Maior Portal Sobre Saúde Hormonal
   
Editora Conceito 22 anos transformando vidas!

Ano IX | ® Editora Conceito, desde 1998 | ISSN 2359-4578 | Editora-chefe: Marta DePaula | Editor-científico: Dr. Luiz Alberto da Fonseca CRO-SP 43730 |  Jornalista: Cezar Brites Mtb 15732

Por que evitar grelhar os alimentos?

Nutricionista Camila Avelar      segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Compartilhe esta página com seus amigos

Antes de pensar nas “calorias a menos” de uma preparação “sequinha”, precisamos pensar na composição dos alimentos após a técnica dietética que escolhemos para prepará-los...isso é fundamental!

Vejo muitas pessoas com medo de cozinhar os alimentos em caldos, mesmo vegetais, como molho de tomate ou outros...por conta de supostas “calorias a mais...” 🤦🏽‍♀️e aí vamos perpetuando hábitos de que tudo grelhado é mais “light” e “saudável”.

Hoje, eu “vim” de voadora 🦅 (no bom sentido) kkkkkk mostrando algumas das substâncias, para ver se consigo quebrar esses mitos de uma vez!😁

Quando grelhamos, chapeamos, fazemos churrasco, submetemos nossos alimentos à fumaça e à altas temperaturas...aumentamos a ocorrência de reações que produzem substâncias altamente inflamatórias e com poder carcinogênico, principalmente quando ingerimos e inalamos isso com frequência. Sem contar as produções de AGEs, os produtos de glicação avançada, associados a doenças crônicas como diabetes, obesidade, alterações estéticas, disfunções tireoidianas e endócrinas e por aí vai...

"Ah nutri, mas eu amo aquela casquinha preta e amarga que fica quando grelhamos o alimento." 😫 Pois então...é aí mesmo que temos grandes concentrações dessas substâncias...

Portanto, meus amores, comecem a mudar a visão.😃

E qual a melhor opção?

Simples! Cozinhar os alimentos em meio aquoso, pois há um impacto diferente do calor e produzimos menos essas substâncias, além ser mais saboroso e podermos utilizar várias ervas, vegetais e temperos antioxidantes. Outra opção seria assar, pois essa técnica parece produzir menos esse tipo de substâncias. E para quem é fã dos grelhados, tenta pelo menos reduzir a frequência de consumo e comer bastante vegetais verdes e cebola crua na mesma refeição para modular.😬

💡Dicas

🔹 Prefira cortes menores para facilitar o cozimento e diminuir o tempo de exposição à altas temperaturas;
🔹 Marine as proteinas com ervas, suco de limão, cebola, alho e temperos antioxidantes! Uma alimentação balanceada com alimentos antioxidantes também ajuda a diminuir e destoxificar um impacto destas substâncias deletérias.

Comentários

Conheça os Hormônios


O que são Hormônios?

segunda-feira, 30 de março de 2020

Hormônios e a inflamação

domingo, 30 de junho de 2019

Testosterona

domingo, 30 de junho de 2019

Progesterona

domingo, 30 de junho de 2019

Estradiol

domingo, 30 de junho de 2019

Colecalciferol - Vitamina D

domingo, 30 de junho de 2019

Hormônio Ocitocina

domingo, 30 de junho de 2019

Hormônios e a dor

domingo, 30 de junho de 2019

Hormônios e o câncer

domingo, 30 de junho de 2019