Maior Portal Sobre Hormônios
   Uma publicação da Editora Conceito

Ano VII | ® Editora Conceito, desde 1998 | ISSN 2359-4578 | Editora-chefe: Marta DePaula | Editor-científico: Dr. Luiz Alberto da Fonseca CRO-SP 43730 |  Jornalista: Cezar Brites Mtb 15732

A osteoporose na saúde bucal

@cristianepirola      sábado, 12 de outubro de 2019

Compartilhe esta página com seus amigos

#Repost @dra.danitolotti.ms with @make_repost
・・・
➡️ A osteoporose é um dos problemas que mais afeta a nossa sociedade. Com o passar dos anos, a atividade metabólica do tecido ósseo diminui, retardando os processos de reabsorção e formação óssea.
A redução da densidade mineral óssea é denominada Osteopenia e quando essa redução é mais severa, em que os ossos apresentam maior risco de fratura, temos a osteoporose.
A queda na produção de hormônios como a progesterona e o estrogênio levam a uma diminuição na formação de novos ossos. Sendo assim, a reposição hormonal é muito importante para evitar esse tipo de problema. ➡️ Osteoporose e Odontologia

A osteoporose pode afetar a densidade mineral óssea de diversas partes do corpo, inclusive dos ossos maxilares. A reabsorção óssea dos maxilares influencia diretamente na fixação dos dentes junto à mandíbula. Um grau severo de perda na densidade óssea pode levar à perda de dentes naturais e dificultar a fixação de próteses e implantes. A diminuição na densidade mineral do osso alveolar também pode levar a outras complicações. Devido ao enfraquecimento dos dentes, as cáries e outras doenças bucais tornam-se mais suscetíveis. Entre elas estão as doenças periodontais.
Estudos recentes mostram a osteoporose como um fator de risco para a doença periodontal, ou, no mínimo, um fator que pode aumentar a severidade de doenças pré-existentes.
✅ O envelhecimento, ✅ A deficiência de estrogênio,✅ O baixo nível de vitamina D ou de ingestão de cálcio e alguns distúrbios,
podem diminuir os valores dos componentes que mantêm a densidade e força óssea.
#odontologiapreventiva

Comentários

Pilares da Saúde