Dra. Karina Lorenzon May

Criciúma

43779369_280209932623100_3048333765410479505_n.jpg

 

  • karinalorenzonmay

    A depressão é um desequilíbrio químico no cérebro, relacionado à baixos níveis de serotonina, um neurotransmissor que dá a sensação de prazer e felicidade. ✳️O estrogênio, hormônio feminino, está ligado ao controle de serotonina. Quanto menos estrogênio, menor a produção de serotonina! Estima-se que dois terços das pessoas que sofrem com depressão sejam mulheres. Isso porque essa doença está ligada à desequilíbrios hormonais, causados pela menopausa, ou período pós-parto, por exemplo. ❇️Pesquisadores sugeriram que as alterações em níveis de hormônios, tais como o estrógeno e a progesterona, parecem ter um poderoso efeito sobre os estados de humor das mulheres. As diferenças na proporção em que mulheres e homens desenvolvem depressão começam a aparecer na puberdade, uma época em que ocorrem muitas alterações hormonais. Além disso, os níveis hormonais sofrem modificações durante os vários processos que normalmente ocorrem na vida de uma mulher, entre os quais os ciclos menstruais e período pós-parto. ⚠️O uso de pílulas contraceptivas, cuja atividade altera os níveis de hormônios, também está associado ao desenvolvimento de depressão. ✅Embora ainda não se tenham todas as respostas, os hormônios parecem ser uma área que vale a pena investigar como uma possível causa de depressão.
    #depressao #saudemental#modulacaohormonal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *